A foto do presidente ucraniano segurando uma camiseta com uma suástica foi manipulada

Copyright © AFP 2017-2022. Todos os direitos reservados.

Uma fotografia que mostra o presidente da Ucrânia, Volodimir Zelensky, segurando uma camiseta com seu nome e uma suástica foi compartilhada mais de 700 vezes nas redes sociais desde 28 de fevereiro de 2022, no meio do conflito russo-ucraniano. Mas a imagem foi manipulada, como comprovou a AFP.

“Esse é Zelensky herói de Guga Chacra e da Globo segurando a camiseta do batalhão Azov grupo abertamente nazista e que chacinaram russos que viviam em Donbass e queimaram vivos comunistas”, diz uma das publicações no Facebook (1, 2) e no Twitter (1, 2).

Captura de tela feita em 4 de março de 2022 de uma publicação no Facebook ( . / )

A imagem também começou a circular em inglês e em espanhol, dias após a Rússia iniciar uma invasão à Ucrânia em 24 de fevereiro de 2022. Moscou baseou sua operação militar na necessidade de “desmilitarizar e desnazificar” a Ucrânia, de acordo com o ministro das Relações Exteriores, Serguei Lavrov.

No entanto, a fotografia viralizada está manipulada.

Para comprovar, a AFP analisou a fotografia de Zelensky usando a ferramenta InVid-WeVerify*. Ao fazer o upload do registro na aba de análise da plataforma, foi detectada uma diferença de pixels, o que geralmente indica traços de manipulação, onde a suástica está localizada.

Captura de tela da análise da imagem realizada com a plataforma InVid-WeVerify feita em 4 de março de 2022 ( . / )

Além disso, uma busca reversa da imagem no Google levou a artigos (1, 2) publicados em junho de 2021 informando que a União das Federações Europeias de Futebol (Uefa) exigiu que a Ucrânia fizesse mudanças em sua camiseta para a Eurocopa de 2020 com o propósito de eliminar um slogan “político” que provocou protestos na Rússia.

O órgão regulador do futebol europeu disse que a mensagem contida na camiseta, “Glória a nossos heróis”, um grito de guerra durante os protestos contra o presidente Viktor Yanukovich que começaram em 2013 na Ucrânia, era “claramente de natureza política”. A camiseta mostrava também a silhueta do mapa da Ucrânia incluindo a península da Crimeia, anexada pela Rússia em 2014.

Os artigos informam que a fotografia foi compartilhada pelo presidente ucraniano em sua conta no Instagram.

Ao buscar em seu perfil, verificou-se que a imagem foi publicada em 8 de junho de 2021, sob a descrição: “O novo uniforme da seleção nacional de futebol da Ucrânia é definitivamente especial. Pode ser surpreendente. Apresenta vários símbolos importantes que unem os ucranianos desde Lugansk até Uzhgorod, desde Chernigov até Sebastopol. Nosso país é um e indivisível. Crimeia é Ucrânia”.

O Checamos já verificou outras peças de desinformação vinculadas ao conflito russo-ucraniano de 2022.

*Uma vez instalada a extensão InVid-WeVerify no navegador Chrome, clica-se com o botão direito sobre a imagem e o menu que aparece oferece a possibilidade de pesquisa da mesma em vários buscadores.

Conflito ucraniano-russo