Biden não disse em Bruxelas que está "disposto a pagar" o custo para a UE de cortar o gás russo

Publicado em 04/05/2022 às 21:18

Publicações compartilhadas mais de 790 vezes em redes sociais desde 25 de março de 2022 asseguram que o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, disse que o corte do gás russo à Europa iria prejudicar o bloco, mas que esse é um preço que ele estava “disposto a pagar”. Segundo os usuários, a afirmação foi feita durante a coletiva de imprensa que o mandatário concedeu junto à presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, naquele mesmo dia. Mas Biden não assumiu o peso das consequências de tal decisão.