Eleições 2020

São Paulo não teve 61,09% de abstenções, votos brancos e nulos no segundo turno de 2020

Atualizado em 02/12/2020 às 20:57

Duas tabelas que indicam que 61,09% dos eleitores aptos de São Paulo optaram por se abster, votar em branco ou nulo no segundo turno das eleições municipais - superando o percentual de votos recebidos pelos dois candidatos que disputaram a Prefeitura da cidade - foram compartilhadas centenas de vezes em redes sociais desde o fim de novembro. Os números viralizados são, contudo, falsos. As abstenções, brancos e nulos somam, na verdade, 40,6% das escolhas em São Paulo, contra 59,4% de votos em Bruno Covas e Guilherme Boulos juntos.