Imagem de cão socorrista nos EUA em 2014 circula associada ao terremoto na Turquia em 2023

Copyright © AFP 2017-2023. Todos os direitos reservados.

A imagem de um cachorro coberto de lama foi compartilhada mais de 15 mil vezes desde 9 de fevereiro de 2023 com a alegação de que o animal “encontrou 10 pessoas na Turquia”. As publicações relacionam a cena com o terremoto registrado neste país e na Síria em 6 de fevereiro de 2023. No entanto, uma busca reversa no Google localizou a foto original, que mostra um cão que ajudou a encontrar vítimas de um deslizamento que aconteceu em 2014 nos Estados Unidos.

“Foi assim que um cão que depois de um turno de trabalho à procura das ruínas na Turquia encontrou 10 pessoas e salvou as suas vidas. A tecnologia está avançando, mas os detectores de cheiro que essas criaturas têm ainda não foram inventados pela tecnologia moderna!”, diz a legenda de uma imagem compartilhada milhares de vezes no Facebook, no Instagram, no LinkedIn, no TikTok e no Twitter.

Publicações similares também circulam em inglês, espanhol e bósnio.

Captura de tela feita em 13 de fevereiro de 2023 de uma publicação no Facebook ( .)

A imagem começou a ser compartilhada depois que diversos países enviaram cães e equipes de resgate para ajudar a encontrar pessoas presas nos escombros do terremoto de magnitude 7,8 que atingiu a Turquia e a Síria.

Até 13 de fevereiro, foram registradas mais de 35 mil mortes por conta do terremoto.

Mas o cachorro que aparece na imagem divulgada nas redes sociais não está relacionado a esse acontecimento, e sim a um desastre ocorrido quase nove anos antes na região de Oso, localizada no estado norte-americano de Washington.

Por meio de uma busca reversa da imagem no Google, a AFP encontrou sites com fotos e artigos da imprensa norte-americana sobre cães ajudando a procurar sobreviventes de um deslizamento que atingiu Oso, a nordeste de Seattle.

O desastre, ocorrido em 22 de março de 2014, deixou mais de 40 mortos.

A imagem do cachorro aparece nos sites com crédito para Rick Wilking, um fotógrafo freelancer que trabalha para a agência de notícias Reuters na cidade norte-americana de Denver.

A foto original foi localizada no arquivo da agência com a legenda: “Tryon, o cão de resgate, espera para passar pela área de descontaminação no deslizamento de terra depois de procurar vítimas em Oso, Washington, em 30 de março de 2014”.

O AFP Checamos já verificou outra alegação que associava um cão socorrista ao terremoto na Turquia.