Passageiros do cruzeiro Diamond Princess, que estão em quarentena devido ao novo coronavírus, em 16 de fevereiro de 2020 (AFP / Behrouz Mehri)

Casal em quarentena em cruzeiro no Japão diz que história sobre entrega de vinho por drone foi “só uma brincadeira”

Copyright © AFP 2017-2020. Todos os direitos reservados.

Diversas publicações e artigos compartilhados em redes sociais garantem que um casal australiano recebeu uma entrega de vinho por drone enquanto estava em quarentena em um cruzeiro no Japão devido ao surto do novo coronavírus. A alegação se baseia em postagens do casal no Facebook, mas os dois contaram posteriormente a uma rádio australiana que a história era apenas “uma brincadeira”.

“Drone entrega vinhos para casal que está no cruzeiro em quarentena por coronavírus”, diz o título de um artigo, compartilhado mais de 750 vezes no Facebook desde 10 de fevereiro.

Captura de tela feita em 19 de fevereiro de 2020 mostra artigo publicado no Facebook

“Um casal de australianos, Jan & Dave Binskin, que estão presos em um navio de cruzeiro em quarentena (com vários casos de coronavírus a bordo), conseguiu que seus vinhos fossem entregues por drone!”, começa o texto.

“O clube de vinhos que eles assinam, Naked Wine, recebeu o pedido curioso do casal (...) e não é que a empresa aceitou o pedido e fez a entrega por drone?”, garante o artigo.  

O casal Binskin estava em quarentena no cruzeiro Diamond Princess, que ficou isolado por 14 dias na costa do Japão devido à presença de passageiros contaminados pelo novo coronavírus. Até 19 de fevereiro de 2020, foram confirmados mais de 620 casos de contaminação entre as pessoas que estavam a bordo.

O casal foi colocado em quarentena junto com os outros 3.700 passageiros em 4 de fevereiro.

A alegação de que os dois receberam vinhos por drone enquanto estavam no navio aparece em diversas outras publicações no Facebook (1, 2, 3), além de ter sido noticiada por múltiplos veículos internacionais.

A história foi reportada pelo jornal britânico Daily Mail, pelo norte-americano New York Post, pelo site de tecnologia Gizmodo e pelo portal 9GAG, entre outros.

Todos os artigos citam publicações feitas pelo casal no Facebook. Em 6 de fevereiro, o perfil conjunto dos dois publicou a foto de uma garrafa de vinho, com a seguinte legenda, traduzida do inglês: “Naked Wine Club vocês são incríveis, acabamos de receber a primeira gota. Obrigada a Deus pelos drones, a Guarda Costeira do Japão não entendeu o que estava acontecendo”.

Uma piada

Em conversa posterior com uma rádio australiana, no entanto, o casal explicou que tudo não passou de uma piada.

Em entrevista à Radio National, publicada em 17 de fevereiro, Jan Binskin disse que a história foi “apenas uma brincadeira para cima e positiva” e que o casal só bebeu vinho que já estava no navio.

“Nós conseguimos com o nosso comissário de bordo”, diz Binskin aos 11 minutos da gravação, após ser perguntada sobre a entrega do vinho. “Nós simplesmente não acreditamos. Porque [ninguém] sequer checou e, de repente, nós soubemos que estava nas notícias. Foi simplesmente tirado do nosso Facebook pessoal. Era apenas uma brincadeira para cima e positiva… Era tipo:‘te pegamos!”.

Em 9 de fevereiro, o casal também comentou a repercussão global da história, publicando a foto de uma garrafa de vinho com duas taças e a legenda: “As pessoas ainda acreditam em contos de fadas?”.

Jan e Dave Binskin fazem parte do grupo de 500 passageiros que testou negativo para o novo coronavírus e desembarcou em 18 de fevereiro, depois de completar seu período de quarentena. Abaixo, uma foto publicada em seu perfil no Facebook, quando ambos estavam em um ônibus após deixar o navio:

Em resumo, não é verdade que um casal recebeu vinhos por drone enquanto estava em quarentena em um cruzeiro no Japão. A história foi uma brincadeira publicada pelos dois no Facebook que repercutiu globalmente.

 
AFP Australia
AFP Brasil