As camisas usadas por Platini e Maradona continham uma mensagem contra as drogas

Copyright © AFP 2017-2020. Todos os direitos reservados.

Uma foto do ex-jogador de futebol e ex-presidente da UEFA Michel Platini junto com Pelé e Maradona circula nas redes sociais ao menos desde julho de 2020. Publicações que somam mais de 77 mil compartilhamentos asseguram que a camisa usada por Platini tinha uma mensagem contra a corrupção, mas, na verdade, se tratava de uma frase contra as drogas.

“Em 1986, Maradona usou uma camisa escrito ‘Não as drogas’ e Platini ‘Não a corrupção’ anos depois Maradona teve Overdose e Platini foi preso por corrupção”, assinalam as legendas das postagens cujos registros são encontrados desde julho, mas que voltaram a ser amplamente compartilhadas no Facebook (1, 2, 3) após o falecimento de Maradona no último dia 25 de novembro em decorrência de uma parada cardiorrespiratória.

A fotografia acompanhada desta alegação também foi encontrada no Twitter (1, 2, 3), além de outros idiomas, como espanhol, francês e inglês.

Algumas versões ainda complementam a legenda, falando sobre o astro brasileiro do futebol: “E o Pelé? Bem, o Pelé não estava de camiseta com mensagem, mas no encerramento da sua carreira profissional disse que o mundo deveria cuidar das crianças; alguns anos depois não reconheceu sua filha legítima. O ser humano é decepção!!!”.

Captura de tela feita em 1º de dezembro de 2020 de uma publicação no Facebook

Em 2019 o ex-jogador francês terminou de cumprir a suspensão de quatro anos de toda “atividade ligada ao futebol” imposta pela UEFA. 

Atualmente, Platini e o ex-presidente da FIFA Joseph Blatter estão sob investigação da Justiça suíça acusados dos crimes de “fraude”“abuso de confiança” e “gestão desleal”. Se for considearado culpado, o ex-jogador francês pode enfrentar uma pena de até cinco anos de prisão.

A data da foto

Uma busca reversa da imagem permitiu constatar a autenticidade da fotografia e comprovar que ela foi tirada, na realidade, em 1988, na sede do clube de futebol francês AS - Nancy Lorraine, onde Platini deu seus primeiros passos como jogador.

Em 23 de maio daquele ano estavam celebrando a aposentadoria do jogador em Nancy, e não em 1986, como indicam as publicações viralizadas. As maiores estrelas do futebol estiveram presentes no evento beneficente organizado em prol de sua fundação de luta contra as drogas, que tinha como objetivo a reinserção de jovens dependentes químicos e as atividades de prevenção ao vício em drogas.

Em uma matéria da AFP publicada em 18 de maio de 1988, em francês, três dias antes da partida, detalhavam que os jogadores “reunidos na aposentadoria de Michel Platini”, que seria disputada em Nancy, levariam “o slogan ‘não às drogas’ em suas camisas”.

A mensagem na camisa

Outra busca reversa por imagens no Google permitiu encontrar fotos similares, tiradas no mesmo evento, mas de ângulos diferentes, que revelam que as camisas de Platini e Maradona contêm a mesma mensagem em prol da luta contra as drogas. A única diferença é que a palavra “droga” está escrita em inglês na camisa de Maradona e em francês na de Platini. Nenhuma delas faz qualquer referência à corrupção.

Comparação feita em 1º de dezembro de 2020 entre a imagem viralizada e a foto no banco de imagens Getty Images

Michel Platini, de 65 anos, uma das figuras mais emblemáticas do futebol francês, foi suspenso por oito anos de “toda atividade vinculada ao futebol” em setembro de 2015. Após a apelação de Platini, o Tribunal Arbitral do Esporte reduziu a suspensão para seis anos em fevereiro de 2016 e, em maio seguinte, para quatro anos a partir de 2015. 

O ex-capitão da seleção francesa não pôde se apresentar como candidato à presidência da FIFA, onde seu ex-braço direito, Gianni Infantino, foi finalmente eleito em fevereiro de 2016 e reeleito em junho de 2020. 

Platini também está envolvido em outra investigação sobre corrupção relacionada às condições para a Copa do Mundo de 2022 no Catar. Neste caso, o duas vezes semifinalista da Copa do Mundo (1982 e 1986) foi detido em junho de 2019. As investigações seguem em curso.

Em resumo, a camisa usada por Michel Platini na foto, tirada em 1988 durante a celebração da sua aposentadoria como jogador profissional, tinha uma mensagem contra as drogas e não contra a corrupção, como circula nas redes sociais.

Tradução e adaptação
AFP Brasil