O edifício Burj Khalifa, o mais alto do mundo, não foi iluminado com a bandeira de Israel; é uma montagem

Copyright © AFP 2017-2020. Todos os direitos reservados.

Publicações compartilhadas mais de 1,8 mil vezes nas redes sociais desde o último dia 14 de agosto mostram uma imagem do Burj Khalifa, o edifício mais alto do mundo, localizado em Dubai, iluminado com a bandeira de Israel após o anúncio do acordo de paz entre este país e os Emirados Árabes Unidos, em 13 de agosto. Contudo, a suposta fotografia é uma montagem: esta imagem do edifício circula desde 2019 sem as cores da bandeira israelense.

“Surpreendente ... e Profético!!! Em Dubai nesta semana a Torre Burj Khalifa recebeu o que ninguém imaginaria... A bandeira de Israel 🇮🇱 pra anunciar a paz celebrada entre os dois países, Israel e os EAU (Emirados Árabes Unidos). O começo de um novo tempo de boa convivência!!! Nos preparemos para o futuro... que lê entenda!”, indica a legenda de uma das publicações compartilhadas no Facebook (1, 2), na qual se vê o edifício iluminado com as cores e a estrela da bandeira israelense.

Captura de tela feita em 24 de agosto de 2020 de uma publicação no Facebook

A mesma imagem foi compartilhada com esta afirmação no Instagram (1) e no Twitter (1), assim como em outros idiomas, como inglês, espanhol, francês e árabe.

Acordo de paz

No último dia 13 de agosto, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou que os Emirados Árabes Unidos e Israel haviam chegado a um acordo histórico para estabelecer relações diplomáticas plenas. Trump classificou este acordo como um “avanço enorme”:

Os Emirados Árabes Unidos se tornaram a terceira nação árabe a iniciar esta normalização do vínculo diplomático com Israel, após Jordânia e Egito.

Montagem

Uma busca reversa pela imagem na plataforma Yandex forneceu como resultado uma fotografia do edifício, mas sem a imagem da bandeira israelense, que circula ao menos desde 22 de outubro de 2019 em um blog de viagens e gastronomia.

O blog compartilhou a imagem original do Burj Khalifa, o edifício mais alto do mundo, com 828 metros, como um dos principais pontos turísticos a ser visitado na cidade de Dubai.

A equipe de checagem da AFP tentou contactar a autora do blog, mas não obteve resposta até o momento da publicação deste artigo.

Na fotografia publicada neste blog podem ser observados elementos similares aos vistos na imagem viralizada: gruas de construção, janelas específicas do Burj Khalifa iluminadas e edifícios próximos com as luzes acesas.

Comparação feita em 24 de agosto de 2020 entre a imagem modificada (à esquerda) e a que circula desde 2019

Além disso, a conta oficial do Burj Khalifa no Twitter, que compartilha fotos e vídeos da iluminação do edifício em ocasiões comemorativas, não divulgou nenhuma imagem relacionada a Israel desde o anúncio do acordo, em meados de agosto.

Ao contrário, o edifício da Prefeitura de Tel Aviv, em Israel, foi iluminado com as cores da bandeira dos Emirados Árabes Unidos após o anúncio do acordo de paz.

Prefeitura de Tel Aviv iluminada com as cores da bandeira dos Emirados Árabes Unidos em 13 de agosto de 2020

Em resumo, a imagem do Burj Khalifa iluminado com a bandeira de Israel depois do anúncio do acordo de paz com os Emirados Árabes Unidos é uma montagem. A fotografia original circula desde 2019 e não tem as cores da bandeira israelense.

 
AFP MENA
Tradução e adaptação
AFP Brasil