Essa conversa entre Sérgio Machado e Renan Calheiros não mencionava o presidente Bolsonaro

Copyright © AFP 2017-2021. Todos os direitos reservados.

Publicações compartilhadas mais de 22 mil vezes em redes sociais desde meados de 2019 afirmam mostrar uma conversa na qual o senador Renan Calheiros e o ex-chefe da Transpetro, Sérgio Machado, dizem que o presidente Jair Bolsonaro é o único político que nunca aceitou dinheiro de empresas. No entanto, a imagem que embasa a alegação, viralizada novamente em maio de 2021, é uma montagem feita a partir da representação gráfica de uma conversa revelada entre Calheiros e Machado em 2016, na qual Bolsonaro não é mencionado.

Segundo as postagens (1, 2, 3), Sérgio Machado teria dito a Renan: “Tá todo mundo f… não se salva ninguém, todos os partidos, deputados e senadores, se salvar algum, só aquele cara lá (inaudível)”. Ao que Renan teria respondido: “Verdade, só o Bolsonaro mesmo, ele nunca quis se envolver com isso nunca pegou dinheiro das empresas…”.

Captura de tela feita em 18 de maio de 2021 de uma publicação no Facebook

A mesma imagem circula amplamente em redes sociais desde outubro de 2018 (1, 2, 3), antes do segundo turno das eleições presidenciais, disputado por Fernando Haddad (PT) e Jair Bolsonaro (PSL).  

O conteúdo também voltou a ganhar força nas redes em maio de 2021 (1, 2, 3), após Renan Calheiros ser escolhido como relator da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que avalia se o governo de Bolsonaro foi negligente na gestão da pandemia de covid-19 e se envolver em uma discussão com o filho mais velho do presidente, Flávio Bolsonaro.

A imagem que embasa a alegação é, no entanto, uma montagem criada a partir da representação gráfica feita pela TV Globo para noticiar conversas reveladas entre Sérgio Machado e Renan Calheiros em 25 de maio de 2016.

Os diálogos foram divulgados primeiro pelo jornal Folha de S. Paulo e gravados pelo próprio Machado que, na época, negociava um acordo de delação premiada no caso Lava Jato.

Na imagem viralizada, é possível identificar o mesmo fundo gráfico e as mesmas fotos utilizadas pelo Jornal Hoje, da TV Globo, para noticiar o caso de 2016. É possível perceber, também, que a tipografia empregada na suposta conversa sobre Bolsonaro é diferente da verdadeiramente utilizada pela emissora, sugerindo que trata-se de uma montagem. 

Capturas de tela feitas em 25 de junho de 2019 mostram, à esquerda, reprodução de conversas entre Renan Calheiros e Sérgio Machado veiculada pela TV Globo e, à direita, diálogo viralizado

Além disso, Bolsonaro sequer é mencionado nas conversas divulgadas em maio de 2016 pela Folha de S. Paulo. Nos diálogos, Renan Calheiros defende mudanças na lei que trata de delações premiadas, critica a prisão de condenados em segunda instância, entre outros assuntos.

Em uma parte da verdadeira conversa, Renan Calheiros chega a dizer que uma delação da empreiteira Odebrecht “vai mostrar as contas”, ao que Machado responde: “não escapa ninguém de nenhum partido… Do Congresso, se sobrar cinco ou seis, é muito. Governador, nenhum”. No entanto, nenhum dos dois políticos fala sobre o atual presidente e então deputado federal (PSC) Jair Bolsonaro.

Em resumo, a imagem viralizada é uma montagem e não mostra conversa verdadeiramente revelada entre Renan Calheiros e Sérgio Machado.

EDIT 18/05/21: Acrescenta menção a nova viralização do conteúdo