( . / )

Não há registro de frase atribuída a Paolla Oliveira sobre prostituição de atrizes da Globo

Copyright © AFP 2017-2021. Todos os direitos reservados.

Publicações compartilhadas mais de 4,3 mil vezes nas redes sociais desde 15 de setembro de 2021 alegam que a atriz Paolla Oliveira disse em uma entrevista à revista Caras que, se o presidente Jair Bolsonaro for reeleito, “a prostituição será a única forma de sobrevivência das atrizes da Globo”. Entretanto, o AFP Checamos não localizou qualquer registro da suposta declaração, que foi negada tanto pela atriz quanto pela revista. 

“Pois é, sem a mamata, já vislumbram como será a nova vida. A boa notícia: terão bom retorno na profissão mais antiga do mundo. Desejo sucesso!”, diz uma das publicações compartilhadas no Twitter (1, 2, 3), no Facebook (1, 2) e no Instagram (1, 2). 

Captura de tela feita em 17 de setembro de 2021 de uma publicação no Twitter

O conteúdo viralizado repercutiu o título de uma nota publicada pelo site Notícias on line, que assegura que a suposta frase de Paolla Oliveira foi dita em uma entrevista à revista Caras. 

No entanto, a equipe do AFP Chegamos fez uma busca no site da revista de celebridades por “a prostituição será a única forma de sobrevivência das atrizes da Globo” e não encontrou registro da declaração.  

Uma pesquisa usando alguns dos mesmos termos nas contas da atriz no Twitter e no Facebook tampouco levou a essa afirmação. No Google, a busca pela frase resultou apenas em desmentidos. Nem na ferramenta Wayback, que mantém registros de versões anteriores de páginas na internet, nem no caché do Google a AFP localizou publicações com esse conteúdo que poderiam ter sido apagadas pela atriz no seu Twitter. 

Pouco após a viralização do conteúdo, Oliveira usou suas redes sociais (1, 2, 3) para rechaçar o que classificou como “uma mentira”

“Está circulando uma MENTIRA (famosa FAKE NEWS) por aí, de um site que eu nunca ouvi falar, sendo compartilhada sobre uma suposta declaração que eu NUNCA DEI à revista Caras. Nunca existiu (...). Pode jogar palavra por palavra no google e não encontrará NADA, além da mentira plantada”.

A revista Caras também esclareceu que a entrevista mencionada pelas publicações não aconteceu: “Uma das mais talentosas e belas atrizes de sua geração, Paolla Oliveira (39) foi vítima de fake news (...) A verdade é que Paolla nunca deu tal entrevista à CARAS”

Para Oliveira, a alegação se tratou de “mais uma narrativa tentando intimidar quem se posiciona ou se opõe a esse governo”. 

Recentemente, a atriz criticou o presidente Jair Bolsonaro, depois que ele afirmou, em agosto passado, que todos deveriam comprar um fuzil