Governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra, em evento com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em Brasília, em 9 de janeiro de 2023 ( AFP / Mauro Pimentel)

Vídeo de Fátima Bezerra em Paris é de 2022, e não durante crise no Rio Grande do Norte em 2023

Copyright © AFP 2017-2023. Todos os direitos reservados.

Uma gravação que mostra a governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT), no aeroporto de Paris não foi feita em março de 2023. Publicações compartilhadas centenas de vezes nas redes sociais desde o último dia 15 asseguram que as imagens retratam o que a governadora estaria fazendo enquanto seu estado passa por uma grave onda de violência. Mas o vídeo foi feito em novembro de 2022, quando a petista fez uma escala na capital francesa a caminho da COP-27, realizada no Egito.

“Governadora do Rio Grande do Norte ..A capital está pegando fogo e ela ‘coitadinha’ muito preocupada ... PT tudo igual #VelhasHienas”, diz uma das publicações compartilhadas no Facebook e no Twitter.

Na sequência, a governadora aparece sentada no saguão de um aeroporto. Ela diz que está em Paris esperando um voo para Dubai e que, de lá, irá para o seu destino final: o Egito.

Captura de tela feita em 29 de março de 2023 de uma publicação no Facebook ( .)

Contudo, a gravação viral não é de março de 2023, quando uma onda de violência atingiu grande parte das cidades do estado.

Uma busca pelas palavras-chave “Fátima Bezerra”, “aeroporto”, “Egito” levou ao mesmo vídeo publicado em 13 de novembro de 2022 na conta da governadora no Twitter, cerca de quatro meses antes dos atos de março.

Na publicação, Fátima Bezerra não deixou claro o motivo da viagem mas, no mesmo período, estava sendo realizada a COP-27 — Convenção das Nações Unidas sobre a Mudança do Clima — na cidade de Sharm el-Sheikh, no Egito.

Em 15 de novembro de 2022, dois dias após a publicação do vídeo original, jornais anunciaram a chegada da governadora à conferência. A mandatária participou de um painel sobre desenvolvimento sustentável (1, 2, 3).

Onda de violência no Rio Grande do Norte

Entre os dias 14 e 24 de março, uma onda de violência assolou diversas cidades do Rio Grande do Norte: ocorreram ataques contra prédios públicos e a queima de automóveis. Ao todo, foram registrados 298 atos violentos em todo o estado.

Segundo autoridades, os ataques ocorreram em retaliação a ações de combate ao crime organizado. Os criminosos também reivindicavam melhorias no sistema prisional.

Policial próximo a um ônibus incendiado em Natal, no Rio Grande do Norte, em 16 de março de 2023 ( AFP / Alessandro Imperial)

Durante esse período, Fátima Bezerra publicou em sua conta no Instagram (1, 2, 3) registros de atividades em conjunto com as forças de segurança pública no estado.

O Ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino (PSB), também compartilhou uma foto ao lado da governadora em 20 de março de 2023, durante uma reunião sobre a segurança no estado.

Em seu site oficial, o governo do Rio Grande do Norte desmentiu a alegação de que Bezerra teria viajado em meio à crise de violência.

Referências