Os três casais de uma foto viral estão se casando em Uganda, e não se divorciando em Gana

Copyright © AFP 2017-2022. Todos os direitos reservados.

Uma imagem que circula com mais de sete mil interações nas redes sociais desde pelo menos 2018 e que voltou a viralizar em novembro de 2021 alega mostrar casais que, para se divorciar em Gana, tiveram que usar as mesmas roupas de seus casamentos. Mas trata-se de uma foto de três casais rezando em 2009, ao participar de um casamento em grupo em um campo de refugiados em Uganda.

“Em Gana, você tem que se vestir do mesmo jeito que se vestiu no seu casamento para se divorciar”, dizem publicações que inserem o texto em uma foto mostrando casais com roupas tipicamente usadas em matrimônios e que foram compartilhadas no Facebook (1, 2, 3) e no Instagram.

Captura de tela feita em 26 de novembro de 2021 de uma publicação no Facebook ( . / )

Outras publicações usam a mesma foto, mas com uma inscrição na parede. Nela, é possível ler, em francês, “Salle de divorce - tous les coups sont permis”, frase que em tradução livre para o português pode ser compreendida como “Sala de divórcio - vale tudo”.

Mas o francês não é a língua oficial de Gana, e sim o inglês. No entanto, seus três países vizinhos - Burkina Faso, Costa do Marfim e Togo - são todos francófonos, e o presidente de Gana, Nana Akufo-Addo, é fluente em francês e já fez pressão para que o idioma ganhasse maior status no país.

Uma busca reversa pela imagem viralizada levou à versão original da foto, datada de 2009.

O registro foi feito pelo fotojornalista Becky Matthews em 29 de janeiro de 2009, e pode ser encontrado no banco de imagens Alamy. A legenda diz: “Amigos e familiares reúnem-se para o casamento em grupo de seis casais de Acholi no campo de refugiados Lacekocot. Três casais sentam e rezam”. A localização completa indicada é “Lacekocot, Pader, Uganda, África”.

As leis de divórcio de Gana estão estabelecidas no Matrimonial Causes Act, que não menciona um código de vestimenta.