EUROPA

A França não fica com 50% das exportações de países africanos, como disse Giorgia Meloni

Publicado em 02/12/2022 às 20:19

Em uma entrevista de 2019, Giorgia Meloni, então deputada italiana, afirmou que a França saqueia a riqueza de países africanos por meio do sistema monetário do franco da Comunidade Financeira Africana (CFA). Mas seu argumento é falacioso, indicaram especialistas à AFP, já que o mecanismo não estabelece que 50% do que esses países exportam "acabe nos cofres do Tesouro francês", e sim que as nações depositem metade de suas reservas naquele órgão. O vídeo voltou a circular em novembro de 2022, após uma série de reformas que, além disso, tornaram obsoletas as palavras da atual premiê italiana.