Eleições 2022

Superior Tribunal Militar não declarou a ilegalidade das eleições presidenciais em documento viral

Publicado em 07/12/2022 às 17:43

As eleições definidas em 30 de outubro de 2022 não foram declaradas inválidas pelo Superior Tribunal Militar (STM). Publicações que alegam que esse órgão militar, “sob o comando e presidência” do general Luis Gomes Mattos, anulou o pleito e manteve Jair Bolsonaro como presidente foram compartilhadas mais de 14 mil vezes nas redes sociais desde 3 de dezembro. Mas o suposto documento não foi encontrado nem no site nem nas redes do STM, além de Gomes Mattos não ocupar mais a presidência da corte. À AFP, o STM afirmou que se trata de um documento falso e que não se manifestou sobre o resultado das urnas.